Viver Telheiras

Lagar recebe encontro de Capoeira de 22 a 24 de Março

/ Março 13, 2019

Nos dias 22, 23 e 24 de Março o nosso bairro vai tornar-se o epicentro da capoeira no feminino em Lisboa. O encontro Berimbau Chamou vai trazer ao Lagar da Quinta de S. Vicente diversas actividades pluridisciplinares, com aulas de movimentação, aulas de instrumentação, palestras e diálogos que pretendem “celebrar a Mulher e os seus percursos na Capoeira”.

Esta vivência pretende reunir amigos e realizar um convívio com 3 convidadas que vão proporcionar um encontro plural e rico em actividades e que se destacam pelo seu trajecto coeso e sólido na Capoeira. Estarão presentes no evento:

  • Cristina, da Fundação Internacional de Capoeira Angola (FICA), que trará a sua vivência com a Capoeira Angola;
  • Rosinha, da Escola Capoeira Regional Remanescentes (ECRR), com a sua vivência de Capoeira Regional Baiana;
  • Preguiça, do Grupo União na Capoeira (GUC), com a sua vivência da linhagem da Capoeiragem de Brasília.

Para além dos participantes lisboetas e portugueses, o carácter internacional terá grande força neste encontro. Para além das professoras convidadas, espera-se a presença de vários mestres brasileiros a residir actualmente em Portugal e a participação de alunos italianos, holandeses e americanos residentes em Lisboa, bem como de comunidades capoeiristas das cidades espanholas de Cádiz, Málaga e Granada.

A ideia deste convívio partiu de duas capoeiristas – Maria João (Parafina do Grupo Terreiro Capoeira) e Salomé (Salomé do Grupo de Capoeira Berimbau de Ouro) – que consideram que  “carecemos de encontros abertos, sem bandeira, com rodas de diálogo direccionadas para questões pertinentes da vida social: de discriminação, racismo, homofobia e outras formas de opressão”. As organizadores sentem que ainda existe terreno a ser trabalhado no que respeita ao papel da Mulher na Capoeira em termos numéricos, de valorização e profissionalização. Assim, pensaram neste três dias de festa e de partilha, com muita capoeira, debate e apresentações de temáticas femininas. É um encontro para consolidar amizades e potencializar o melhor que há em nós, em cada um e em colectivo.

Considerando que a Capoeira tem uma abrangência muito extensa, conseguindo cativar diversos extractos sociais, faixas etárias e diferentes culturas, e promovendo um elo comum de convívio com respeito a diferença e potenciando o crescimento e transformação quer no colectivo, como no singular, pretendem que esta “Chamada do Berimbau” se possa transformar num momento anual que fomente o potencial feminino em actividades maioritariamente realizadas por homens, de forma a que se debatam questões de equidade dentro da Capoeira, enquanto reflexo da nossa sociedade.

O evento é aberto à comunidade não-capoerista que esteja interessada. Caso queira participar, deverá enviar um email para berimbauchamou.pt@gmail.com ou contactar directamente as organizadoras através dos telefones 93 661 09 49 (Maria João) ou 96 107 80 16 (Salomé).

Programa:

Berimbau Chamou programa

 

Berimbau Chamou cartaz

Fonte: Berimbau Chamou (adaptado)

 

/ Março 13, 2019

Últimas

  • Julho 15, 2019
    Parceria Local lança Centro de Partilha de Recursos em fase experimental capa

    Parceria Local lança Centro de Partilha de Recursos em fase experimental

    Este projecto pretende disponibilizar às associações locais e aos residentes do bairro utensílios e aparelhos que só utilizamos esporadicamente, como ferramentas, máquinas de costura e kits para festas, entre outros. A abertura à população prevê-se para o início do novo ano lectivo.

  • Julho 8, 2019
    Costure pelo ambiente com o Centro Comunitário! capa

    Costure pelo ambiente com o Centro Comunitário!

    Estas actividades inserem-se no projecto Eco-Costura, promovido Junta de Freguesia do Lumiar com vários parceiros e no qual serão costurados 3.000 sacos-lancheira para os alunos das escolas da Freguesia.

  • Julho 5, 2019
    Biblioteca acolhe Festival Lisbon Dance Platform capa

    Biblioteca acolhe Festival Lisbon Dance Platform

    O espectáculo encontra-se inserido numa programa mais alargada do Festival LDP, que se prolonga por 3 dias, em diferentes espaços da cidade de Lisboa.

Projectos Comunitários

Newsletter banner
GEPE-banner
BN_NWLT_LX•CONNECT
  • APCL Logo Apoio Centro Comunitário de Telheiras Apoio JFL UITN logo Apoio CNE 683 Escuteiros 2 Apoio Associação de Pais da Escola Básica e Jardim de Infância de Telheiras Apoio Esquadra Apoio refood apoio
  • Voluntários de Protecção Civil de Telheiras_apoio BMOR3 Apoio Julgado de Paz Apoio ART_site Apoio AJEC Apoio ETPL Apoio
loading website

Aguarde um momento porfavor.