Viver Telheiras

Próxima estação: Telheiras, estação terminal

De Telheiras para o Mundo / Fevereiro 26, 2015

Há já dois meses, a menina que está a escrever esta crónica, encontrava-se de férias pelas ruas de Lisboa, a sonhar em não ser turista mas sim uma cidadã desta cidade na qual já teve a sorte de morar há anos. Foi nesses dias que eu recebi por acaso uma newsletter da Associação SPIN com a convocatória para duas vagas para um Serviço de Voluntariado Europeu em Lisboa, no projeto “Together for a Change” e concretamente na Associação Viver Telheiras – Centro de Convergência de Telheiras. Por acaso eu também tinha acabado de desistir de um emprego – infelizmente ainda existem em Espanha entidades sociais sem princípios nem respeito pelas próprias trabalhadoras e sem nenhum valor ético – e procurava uma oportunidade de colaborar num outro país com alguma associação que tivesse algum interesse social e profissional para mim.

Foi num hostel em Alfama que abri pela primeira vez este site da Viver Telheiras que você, leitor, leitora, está a ver. Achei tão engraçado que aquele projeto parecesse mesmo para mim. Não tinha nada a perder. Cheguei a casa, na Corunha (Galiza) e quase sem tempo consegui candidatar-me. Semana e meia depois, eu já não ia ser mais turista em Lisboa, eu ia ser mesmo mais uma cidadã!

A Isabel (a minha colega de casa, projeto e vida durante estes meses, e também redatora deste conjunto de crónicas) e eu, chegamos já há quase três semanas a esta cidade para ficar durante um ano com o nosso SVE (Serviço de Voluntariado Europeu). Caminhamos entre o bairro dos Anjos, onde moramos com mais sete voluntários e voluntárias – uma casa com muito movimento, caos e alegria, podem imaginar! – e Telheiras, um bairro que nos recebeu como mais duas habitantes. O Filipe, o Luís e a Clara, a equipa da Viver Telheiras, receberam-nos com sorrisos, jogos e muita vontade de nos fazer sentir na nossa casa, no nosso bairro e de formar parte desde já desta equipa que acredita cada dia em criar e transformar a comunidade através do trabalho em rede, das parcerias, da divulgação e conexão entre vizinhos, entidades locais e atividades económicas.

Para além dos pastéis de nata, as sopinhas de legumes e as viagens no eléctrico 28, estamos a descobrir a Lisboa dos bairros, a autêntica Lisboa, essa que não aparece nos guias de turistas. Também através do trabalho que a Spin, entidade coordenadora deste voluntariado, está a fazer num outro bairro que tivemos a sorte de conhecer, o bairro Padre Cruz. Com um pé em Carnide e um outro no Lumiar, por acaso já tivemos a sorte de conhecer o pessoal do Centro Comunitário de Telheiras, uma casa cheia de pessoas sempre a sorrir (não percam o sumo da quinta!), o senhor Guimarães e o pessoal da ART, os meninos da EB1 a desfilar no Carnaval, o chocolate da Nella’s, o pão com chouriço do Espigasol, a “Telheiras, estação terminal”, as sete colunas da rotunda da Alameda e um sem fim de ruas pelas quais caminhamos através de um Paddy Paper que os nossos colegas organizaram pelo bairro à nossa chegada (e com o qual os nossos pés ficaram muito agradecidos!). E até já estamos habituadas ao cheirinho da comida da Refood Telheiras, associação que nos dá espaço para podermos ter um lugar de trabalho.

A Isabel e eu somos as meninas que vocês vão ouvir falar com sotaque espanhol pelo bairro (será que vamos conseguir falar um português perfeito daqui a um ano? Vamos ver!), mas que também vão tentar contribuir para a missão da Viver Telheiras através dos seus diferentes projetos. Por agora fiquem atentos porque estamos já a preparar um dos eventos anuais mais importantes do bairro, o Festival de Telheiras. E sabem que podem colaborar? Pode ser uma oportunidade interessante para conhecer o que nós estamos a fazer!

 

 

A Isabel  e a María são duas jovens do Norte de Espanha que colaboram com a Associação Viver Telheiras através do Serviço de Voluntariado Europeu.

María, galega e de coração transatlântico, é educadora social, curiosa e viajante. Depois de morar um ano em Lisboa, cidade que a fez “alfacinha”, passou a trabalhar em diferentes entidades sociais e educativas da Galiza para finalmente voltar a terras lusas através do Serviço de Voluntariado Europeu.

A Isabel, do norte de Espanha, é comunicadora 2.0 com experiência em agências de comunicação, media sociais e espaços de coworking, mas à procura do seu lugar no setor social. Ansiosa por aprender a língua portuguesa e conhecer a cultura, chegou a Telheiras, e durante um ano vai viver aqui a sua experiência de Voluntariado Europeu. Gosta muito de cozinhar, de música e de viagens.

“De Telheiras para o mundo” é um conjunto de crónicas sobre as suas vivências e reflexões inspiradas no bairro de Telheiras e na cidade de Lisboa.

De Telheiras para o Mundo / Fevereiro 26, 2015

Últimas

  • Dezembro 24, 2021
    Boas_festas_2019

    Boas Festas!

    A partir de 11 de Janeiro estaremos de volta para continuar a trazer-vos as notícias do bairro. Vemo-nos em 2022!

  • Dezembro 13, 2021
    apoioavida-cartaz-natal2021-escolas-capa

    Associação de Pais lança campanha solidária com a Apoio à Vida

    Até 15 de Dezembro, a APais está a aceitar doações de bens que a Apoio à Vida precisa para o seu trabalho. Os produtos podem ser entregues na EB1 e no JI de Telheiras.

  • Dezembro 6, 2021
    ART Feira do Livro Doado 2021 capa

    ART promove Feira do Livro D(o)ado

    Se tem livros jogos didáticos que queira entregar para uma segunda oportunidade junto de novos donos, leve-os à ART no dia 7, entre as 10h e as 16h. Depois, apareça na ART nos dias 9 e 10, entre as 10h e as 16h e escolha e leve gratuitamente um ou mais livros ou jogos.

Projectos Comunitários

Newsletter banner
GEPE-banner
BN_NWLT_LX•CONNECT
  • Esquadra Apoio APCL Logo Apoio UITN logo Apoio Centro Comunitário de Telheiras Apoio JFL Associação de Pais da Escola Básica e Jardim de Infância de Telheiras Apoio Voluntários de Protecção Civil de Telheiras_apoio Julgado de Paz Apoio
  • refood apoio PSOPortugal_apoio ART_site Apoio ETPL Apoio BMOR3 Apoio AJEC Apoio CNE 683 Escuteiros 2 Apoio
loading website

Aguarde um momento porfavor.